Família, manutenções, velejadas e o Forte São João... velejar......

Boas!

Passamos o Natal e o aniversário da Alice (28/12) em Santa Catarina. A minha família é apenas as meninas, mas a Pri sofre quando chega essa época e fica longe dos seus. Por isso abri mão dos planos de ir para o barco no dia 20 e tocamos para Santo Amaro da Imperatriz, uma pitoresca cidadezinha de seus trinta mil habitantes distante apenas 25 km da Florianópolis onde moram o Celso e a Fabi, pai e boadrasta da Almiranta.
Essa bonita CB me fez querer estar no mar!

E ela veio um pouquinho antes da festa, que esse ano foi em terra...

... porque nem só de mar vive o marinheiro!

Depois das festividades seguimos de carro para Ubatuba no dia 30/12. Fizemos em duas pernas, parando em Santos para dormir e salvar nossa gata que sem querer se trancou em um dos quartos e ficou presa. Foram 708 km de carro na mais absoluta tranquilidade. No dia seguinte tocamos para Ubatuba, pela Rio Santos. Até Caraguá - 150 km - seguimos bem. Mas lá encaramos um congestionamento daqueles... Doeu!

Chegamos em Ubatuba no dia 31 e vimos os fogos na poita. Foi bem bacana. Nos dias que se seguiram acertamos coisas no barco e navegamos. Visitamos as praias do Sul e do Leste, na Ilha Anchieta (e que eu ainda não conhecia) e a praia da Fortaleza, onde também nunca havia estado. As meninas voltaram para casa no dia 04 e eu no dia 07. Pena não ter encontrado os amigos de lá, mas a vida tem seus momentos.
Preparar...

... revisar...

... e velejar...

... velejar...

... e ver essa vista...

... que só se tem...

quando se estar no mar!
A programação agora é trazer o Malagô para fazer o Cruzeiro Forte São João , iniciativa da ABVC que visa homenagear a viagem que Estácio de Sá realizou em 1565 para fundar a cidade do Rio de Janeiro. Pouca gente sabe, mas essa expedição saiu de Bertioga, onde poucos anos antes foi erguido o primeiro forte do Brasil: A Fortaleza de São João! 



A ideia da ABVC é refazer essa viagem em duas etapas, de sorte que velejadores que estão no caminho possam se juntar a flotilha ao longo do percurso sem ter que vir a Santos apenas para isso. A primeira perna deve ser de  20/02 a 22/02 e percorrerá Santos a Angra; a segunda perna sairá de Angra no dia 28/02 e chegará no Rio de Janeiro no dia 01/03, data de fundação do Forte São João da Guanabara e da capital fluminense. 

Vamos nessa?!


Comentários

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

De Ubatuba a Santos

De Vitória a Recife

De Santos à Vitória