Boiando em Guarujá...

Boas!

Nesse final de semana (domingo) eu deveria dar aula para o Kleber e para o Luiz Malito. O Luiz já é nosso conhecido, fez curso com a gente em abril desse ano e está a cinco minutinhos de comprar um mega veleiro. Aliás, cabe observar que tem muito ex-aluno de nossa escola de vela inflacionando o mercado. O Marcello Yesca já saiu do "movimento dos sem barco", comprando um albatroz 27 e há ainda outros três na busca incessante pela melhor embarcação. Um deles, o Ivan - o cozinheiro, anda sofrendo com o pé direito baixo dos barcos que vê. Acho que o Malagô elevou os parâmetros do rapaz muito para cima! 

Já a história do Kleber é fantástica: ele (brasileiro) e seu amigo Paul (inglês) comparam um veleiro em Nova Iorque. O barco está lá. O plano deles é assim que possível (leia-se, assim que o barco estiver equipado), descerem para uma temporada no Caribe e, de lá, seguirem via canal do Panamá e Galápagos para  casa. Detalhe: eles moram na Tailândia!  Enquanto o dia da partida não chega,  eles (o Kleber e o Paul) têm feito cursos de vela ao longo do mundo todo. 

Semana que vem tem mais, pois ao contrário dos 50 tons de cinza do Ricardo Stark (meio gay isso, hein imediato?!) , por aqui houve calmaria...


Como não ventou (vide a cara de bravo do Luiz) aproveitamos para nos aprofundarmos nos fundamentos de navegação costeira, usando régua de paralelas e cartas de papel. Pois é, ainda tem gente que sabe usar essas coisas!

E é isso ai, vamos no pano mesmo!

  


Comentários

  1. Escola de vela internacional Cusco Baldoso, espero que os preços continuem em Real!! eheheh!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Malagô boiando, gaipava velejando em ventos radicais e o vivre continua firme encalhado no "estaleiro", afff!!!!

      Eliminar
  2. Ahahahahahahaha!! Tem nada de gay não!! Sábado foi velejada prá macho ficar com medo. E ali que a gente conhece bem, que sempre venta pouquinho...O Gaipava voava com vento de alheta e sem vela de proa. Foi bem legal, apesar da cara da Maria, que depois acostumou e nem brigou (muito...) Legal essa aula de plotagem, régua paralela. Também acho importante. Ô Walnei, o Vivre tá ficando bom. Gostei mesmo!! Só que não tá encalhado. Tá 'em obras' e logo logo estaremos todos nas águas de Ubatuba!!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

De Ubatuba a Santos

De Vitória a Recife

De Santos à Vitória